Make your own free website on Tripod.com
    Saudosa Maloca

Brazilian Song Lyrics in Portuguese
As letras de canções brasileiras em português



home

about this site

links

email
 

Tarzan (O Filho do Alfaiate)
(Noel Rosa / Vadico)

Quem foi que disse que eu era forte?
Nunca pratiquei esporte, nem conheço futebol
O meu parceiro sempre foi o travesseiro
E eu passo o ano inteiro sem ver um raio de sol
A minha força bruta reside
Em um clássico cabide, já cansado de sofrer
Minha armadura é de casimira dura
Que me dá musculatura, mas que pesa e faz doer
Eu poso pros fotógrafos, e destribuo autógrafos
A todas as pequenas lá da praia de manhã
Um argentino disse, me vendo em Copacabana:
No hay fuerza sobre-humana que detenga este Tarzan

De lutas não entendo abacate
Pois o meu grande alfaiate não faz roupa pra brigar
Sou incapaz de machucar uma formiga
Não há homem que consiga nos meus músculos pegar
Cheguei até a ser contratado
Pra subir em um tablado, pra vencer um campeão
Mas a empresa, pra evitar assassinato
Rasgou logo o meu contrato quando me viu sem roupão
Eu poso pros fotógrafos, e destribuo autógrafos
A todas as pequenas lá da praia de manhã
Um argentino disse, me vendo em Copacabana:
No hay fuerza sobre-humana que detenga este Tarzan

Quem foi que disse que eu era forte?
Nunca pratiquei esporte, nem conheço futebol
O meu parceiro sempre foi o travesseiro
E eu passo o ano inteiro sem ver um raio de sol
A minha força bruta reside
Em um clássico cabide, já cansado de sofrer
Minha armadura é de casimira dura
Que me dá musculatura, mas que pesa e faz doer